[et_pb_section admin_label=”section”]
[et_pb_row admin_label=”row”]
[et_pb_column type=”4_4″][et_pb_text admin_label=”Text”]

valor_agregadoPelo menos 6 questões no exame de Certificação PMP® são relacionadas ao Gerenciamento do Valor Agregado. O GVA é um método de mensuração de desempenho Introduzido nos anos 60 pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos para obter critérios de padrões de aceitabilidade para contratos de defesa.

  • Compara  o valor do trabalho realizado com o custo planejado e o custo real, integrando custo, cronograma e escopo;
  • Devem ser compreendidas não apenas as fórmulas mas também a interpretação.

O GVA envolve o cálculo de 3 valores-chave para cada atividade ou pacote de trabalho que deveria ter sido feito até o momento considerado::

  • Valor Planejado (VP)  – Custo orçado do trabalho que deveria ter sido feito (agendado).
  • Custo Real (CR) – Custo incorrido no trabalho realizado.
  • Valor Agregado (VA) – Quanto vale o trabalho realizado? Custo orçado para o trabalho realmente realizado. VA = VP x progresso físico (%).

Exemplo: Este é um projeto em que a primeira fase já encerrou. Estava planejado serem gastos R$ 300 e R$300 foram efetivamente gastos, porém somente 2/3 do trabalho planejado para a fase foi feito (progresso físico). Assim o VA = $200.

Gerenciamento do Valor Agregado

Análise Tradicional:

Custo Planejado = R$ 300
Custos Reais = R$ 300
Variação em relação ao plano = R$ 0

Gerenciamento do Valor Agregado:

No GVA, gastamos como planejado, entretanto estamos atrasados e deixamos de entregar o equivalente a R$100. Nós estamos com problemas!

Valor Planejado = R$ 300
Valor Agregado = R$ 200
Custo Real = R$ 300

Variação de prazos (do plano):  VPR = VA – VP  = (R$ 100)
Interpretação: “Hoje, estava previsto que eu tivesse feito um valor de R$300 de trabalho (VP). Eu fiz um valor de R$200 (VA) de trabalho. Desse modo, eu estou atrasado no meu cronograma em um valor equivalente a R$100 de trabalho (VPR).”

Variação do custo (real):  VC = VA – CR = (R$ 100)
Interpretação: “Eu fiz o equivalente a um valor de R$200 de trabalho (VA), mas isto me custou R$300 (CR). Custou-me R$100 a mais para fazer além do que eu havia inicialmente previsto (VC).”

Índice de Desempenho de Custos:  IDC = VA / CR = 0,66
Interpretação: “Cada 1 real que eu gastei gerou um valor equivalente a 66 centavos de trabalho.”

Índice de Desempenho de Prazos:  IDP = VA / VP = 0,66
Interpretação: “Eu fiz um trabalho equivalente a um valor de R$200 (VA). O valor do trabalho previsto para o momento era de R$300. IDP = 0,66. Estou atrasado, progredindo a uma taxa 34% abaixo da planejada.“

Lembre-se destas DICAS:

O Valor Agregado é calculado em dado momento e sempre vem antes nas fórmulas acima.

 Variação: VA menos

  • Custo: CR
  • Cronograma: VP
  • Resultado: 0 – Sem variação
  • Resultado negativo  –  “Estouro”
  • Resultado positivo – Adiantamento

Índice: VA dividido por

  • Custo: CR
  • Cronograma: VP
  • Resultado 1 – Sem variação
  • Resultado menor que 1 –  “Estouro”
  • Resultado maior que 1 – Economia

Agora necessitamos incrementar nossa eficiência para voltarmos ao planejado e incrementá-la ainda mais se quisermos adiantar trabalho.

E como prever o futuro?

  • ONT – Orçamento no Término. Orçamento Inicialmente autorizado para o trabalho TOTAL.
  • ENT – Estimativa no Término. Quanto nós, hoje, estimamos que o projeto TOTAL vá custar?  O novo orçamento.
  • VNT – Variação no Término. Quanto acima ou abaixo do orçamento inicial nós esperamos ficar?

A Estimativa no Término (ENT) é uma previsão do custo TOTAL do projeto baseada no desempenho do projeto até o momento.

A ENT é igual ao custo real (CR) do trabalho executado, mais uma estimativa para terminar (EPT) o trabalho: ENT = CR + EPT

  • Opção 1: ENT = CR + ONTVA – Aceita-se o desempenho real até a data e se prevê que o  trabalho futuro será executado no ritmo orçado
  • Opção 2: ENT = CR + [ (ONT – VA) / IDC  ] = ONT / IDC  – Houve uma alteração. A previsão é de que o que tem acontecido até agora tende a continuar no futuro

Gerenciamento do Valor Agregado:

Orçamento no Término ONT = R$ 1000
Índice de Desempenho de Custos: IDC = VA / CR= 0,66
Estimativa no Término ENT = ONT / IDC = R$ 1515,15
Variação no Término: VNT = ONT – ENT = -515,15

Isso é o básico sobre GVA, mas é o que o estudante deve saber para realizar o exame de certificação, uma vez que as questões sobre esse tópico tendem a ser bem simples e diretas.

Acesse http://www.pmtech.com.br/artigos.html para outros artigos e informações sobre o gerenciamento do valor agregado.

[/et_pb_text][/et_pb_column]
[/et_pb_row]
[/et_pb_section]