Inconsistências na Tradução do Guia PMBOK® 5a Edição

PMB_PT_EN_sm

A seguir listo alguns termos na tradução oficial do guia PMBOK® 5a edição que contêm erros ou que poderiam ter uma tradução mais adequada no contexto de gerenciamento de projetos.

Como usualmente o PMI® não publica erratas das traduções (ao contrário do que acontece com a versão original em Inglês, para a qual já foram publicadas duas erratas), é importante que os candidatos a prestar os exames de certificação PMP® ou CAPM® estejam atentos, pois esses detalhes pode causar enganos no entendimento do conteúdo e levar a erros na resolução de questões.

Além disso, sugiro alterações em alguns termos, cuja tradução, embora tradicional, não parece ser a mais apropriada, como assumptions, por exemplo, que seria melhor traduzida como suposições, hipóteses ou presunções.

Com certeza essas não são todas as inconsistências, porém parecem ser as mais relevantes.

Pág/Seção Texto
Pág. 83

4.3.1.4

Português: “Banco(s) de dados para gerenciamento de problemas e defeitos”

Inglês: Issue and defect management database(s)”.

Um issue (questão, ponto em discussão) não é necessariamente um problema.

Pág 171

6.5.2.6

Português: As reservas gerenciais abordam as “incógnitas conhecidas”

Inglês: Management reserves are intended to address the “unknown-unknowns”.

A tradução correta é: As reservas gerenciais abordam as “incógnitas DESconhecidas”.

Pág. 199

7.1.3.1

Português: “faixa de precisão de -5% para +10%”

Inglês: range of accuracy to -5% to +10%”.

Precisão/precision é diferente de exatidão/accuracy. Em custos, precisão está ligada a arredondamento, ao passo que exatidão está ligada à faixa aceitável.

Pág. 205

7.2.2.3

Português: “Estimativa paramétrica … Essa técnica pode produzir altos níveis de precisão…”

Inglês: “This technique can produce higher levels of accuracy…”

Também nesse caso o correto seria “exatidão”.

Pág. 227

Cap.8

Português: “Qualidade é o grau com que um conjunto de características inerentes atende aos requisitos. Grau … é uma categoria atribuída aos produtos ou serviços que tem a mesma utilidade funcional, mas diferentes características técnicas”.

Inglês: Quality is the degree to which a set of inherent characteristics fulfill requirements. Grade .. is a category assigned to products or services having the same functional use but different technical characteristics.”

A tradução correta de Grade é “Classe é uma categoria (ou classificação) atribuída…”

Pág. 301

10.2.2.5

Português: Relatórios de Desempenho

Inglês: Performance Reporting

A tradução ideal seria Reporte do Desempenho.

A seguir, Performance Reporting foi novamente traduzido, dessa vez como relatar o desempenho, o que é aceitável, uma vez que o próprio item informa que performance reporting é “a ação de coletar e distribuir informações”.

Porém o próximo paragrafo já volta a traduzir Performance Reporting como Relatório de Desempenho. Note que a terminação ING, em Inglês, denota ação (como o próprio texto diz) e não substantivo, como seria o relatório.

Pág. 343

11.5

Português: “Planejar as respostas aos riscos é posterior ao processo Realizar a análise qualitativa”.

Inglês: Plan Risk Responses process follows the Perform Quantitative Risk Analysis process”.

A tradução correta é “Planejar as respostas aos riscos é posterior ao processo Realizar a análise QUANTITATIVA

Pág. 353

11.6.3.2

Português: soluções alternativas, no processo Controlar os Riscos (11.6)

Inglês: apresenta workaround, descrita no glossário como “Contorno (resposta a uma ameaça que ocorreu, para a qual uma resposta não foi planejada, ou não foi eficaz)”.

A tradução utilizada leva o leitor a confundir Contorno com “Plano alternativo / Fallback Plan” (um conjunto de ações e atividades alternativas caso o plano principal precise ser abandonado em virtude de problemas, riscos, ou outros motivos), que, no entanto, só aparece no processo Planejar as Respostas aos Riscos (11.5).

Glossário Especificação não é a tradução mais adequada do termo original em Inglês “Statement” (uma descrição narrativa).

Seria melhor ter mantido Declaração do Escopo como tradução de Scope Statement, como era na 4ª edição do guia.

Glossário Premissa” não é a melhor tradução do termo original em Inglês “assumption” (suposição, hipótese, conjectura, pressuposto, presunção, ideia ou teoria que assumimos como verdadeira, ainda que sem comprovação).

 

Baixe o arquivo completo em .pdf

 

Mauro Sotille

Mauro Sotille possui certificação PMP - Project Management Professional (desde 1998) e PMI-RMP (Risk Management Professional). Membro do PMI Chapter Member Advisory Group (CMAG), foi Mentor do PMI para o Brasil, Presidente do PMI-RS e membro da equipe que desenvolveu o Guia PMBOK® . Tem treinado profissionais e acompanhado organizações na implantação de cultura corporativa de projetos. Autor de livros sobre gerenciamento de projetos e professor convidado da Fundação Getúlio Vargas (FGV), já ministrou mais de 160 cursos de preparação para certificação PMP e CAPM que proporcionaram a aprovação de centenas de alunos. É Diretor da PM Tech, onde orienta profissionais na capacitação em Gerenciamento de Projetos.

Siga-me: TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle Plus

5 comentários para Inconsistências na Tradução do Guia PMBOK® 5a Edição

  • Oi Jean, você está certo. Já incluí na lista. Muito Obrigado. Abraços.

  • Jean Orengo

    Mauro,

    Me parece haver outro trecho com erro de tradução. Na página 205, item 7.2.2.3 Estimativa paramétrica, diz “Essa técnica pode produzir altos níveis de *precisão* dependendo da sofisticação… Neste caso seria “exatidão”, certo?

    Abraços,

  • Fernando Henrique

    Caro Mauro
    Compartilho suas preocupações e correções. Minha mulher é tradutora há mais de 30 anos, e quando mostro trechos do PMBOK onde vejo erros de tradução ela acaba descobrindo outros.
    É certo que Premissa é uma péssima tradução, assim como Restrição.
    Collect não é coletar, mas sim reunir (no PMBOK francês eles usam recueillir).
    O sentido de Engagement não é engajar. Em inglês está “fostering appropriate stakeholder engagement”, ou seja, incentivar o envolvimento. Quem engaja é exército… E por ai vai.
    Parabéns por suas iniciativas sempre atentas e corretas.
    Abs
    Fernando Henrique

  • Ricardo Goeltzer

    Muito obrigado. Ajudou bastante.

Deixe um comentário

Você pode usar estes tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>